Curso promove XIII Semana de Enfermagem

Segunda, 15 Maio 2017 10:57 por Assessoria de Comunicação Social

A Universidade Estadual do Norte do Paraná (UENP) realizou, entre 10 e 12 de maio, a XIII Semana de Enfermagem no Campus Luiz Meneghel, em Bandeirantes. O evento, realizado no auditório Thomaz Nicoletti, foi promovido por meio de uma parceria entre UENP, 18ª Regional de Saúde, e as Prefeituras de Bandeirantes e Cornélio Procópio.

Esse ano, o tema da Semana de Enfermagem foi “O Protagonismo Juvenil na Prevenção às DST/HIV/AIDS e Hepatites Virais”. A programação contou com conferências, palestras, mesas temáticas, oficinas, apresentações de trabalhos acadêmicos e apresentações culturais durante os três dias. “A ideia é manter avivado o simbolismo da profissão, por isso sempre procuramos realizar o evento na semana em que se comemora o dia da enfermagem”, explicou o professor Luiz Fabiano Zanatta, organizador do evento. “Além disso, queremos possibilitar um acréscimo à formação do aluno, seja como um evento de extensão, científico, ou realizado em formato misto”, complementou.

A conferência de abertura foi realizada por Fabrício Stocker, um jovem de 24 anos que, aos 19, descobriu que é soro positivo. Stocker foi Protagonista Jovem da Campanha de HIV/Aids do Ministério da Saúde e já realizou palestras em diversos lugares do País falando sobre o assunto. Ele chegou a gravar um documentário contando sua história, a fim de conscientizar as pessoas de que a Aids não é uma realidade distante. "Quando recebi o diagnóstico, eu não acreditei. Achei que era uma coisa distante de mim. Por isso resolvi mostrar a cara e falar mais sobre isso. Eu não vou dizer que nunca sofri preconceito. O estigma é muito grande, mas para mim foi diferente, porque eu nunca escondi, não tinha aquela desconfiança de achar que eu tinha ou não", contou.

Além de professores e alunos da UENP, também participaram do evento profissionais de saúde de todas as cidades que fazem parte da 18ª Regional de Saúde, onde Bandeirantes está inserida. O enfermeiro e chefe da Divisão Estadual do Programa DST/HIV/Aids, Hepatites Virais e Tuberculose, Francisco Carlos Santos, também esteve no evento. Ele ministrou palestra e oficinas sobre o tema. “A UENP está de parabéns. Um curso que tem 13 anos, e que desde a sua criação realiza a Semana de Enfermagem, merece todo nosso reconhecimento”, parabenizou Francisco. “A organização foi muito cuidadosa na escolha do tema e dos profissionais convidados para estar aqui. E esse cuidado, sem dúvida, reflete no aprendizado dos alunos que saem ainda mais capacitados para o mercado de trabalho”, pontuou.

Outro nome de destaque no evento foi o do psicólogo e coordenador de Projetos da Faculdade de Medicina da USP, Dan Pascolli, que particou da mesa temática Práticas Institucionais para a Promoção do Protagonismo Juvenil. “Quando eu ouvi falar desse evento eu estava participando de um congresso em Cingapura. E assim que me contaram o tema, eu não tive dúvidas de que deveria vir para Bandeirantes”, comentou. “Falar sobre o protagonismo juvenil é uma necessidade. Precisamos discutir estratégias de fazer com que o jovem assuma esse papel tão importante e determinante para seu futuro enquanto cidadão. Agradeço muito a oportunidade de participar dessa Semana de Enfermagem”, disse.

Para a aluna do 4º ano de Enfermagem, Letícia Coutinho, a Semana atingiu as expectativas propostas. “Esse ano foi diferente. Antes as mesas e conferências tinham diversos temas. Nessa edição, pela primeira vez o evento foi temático. E embora essa não seja minha linha de pesquisa, eu gostei muito das conferências e das palestras. Achei tudo muito esclarecedor, principalmente por falar de um tema tão importante e urgente como o protoganismo juvenil na prevenção das dst’s”, avaliou a estudante.

Última modificação: Terça, 23 Maio 2017 17:02