Vestibular UENP

O Conselho de Ensino, Pesquisa e Extensão (CEPE), da Universidade Estadual do Norte do Paraná (UENP), definiu novas diretrizes para o vestibular da instituição que, neste ano, será realizado nos dias 25 e 26 de novembro. A forma do novo exame foi confirmada em reunião extraordinária do CEPE, na terça-feira, 14, na sala dos Conselhos da Reitoria, em Jacarezinho. A definição aconteceu após apresentação dos trabalhos realizados pela Comissão de Avaliação do Processo Seletivo da UENP, grupo formado por professores dos três campi e representante discente, que elaborou documento indicativo com propostas que foram avaliadas pelos conselheiros do CEPE. O Conselho deliberou por manter o vestibular próprio que será reformulado, utilizando as notas do ENEM para o preenchimento de 10% das vagas de cada curso da instituição e também para vagas remanescentes. No início de setembro será publicado edital específico com a nova regulamentação.

Os professores-mestres Daniel Trevisan Sanzovo, do colegiado de Matemática, do Centro de Ciências Humanas e da Educação (CCHE), campus Jacarezinho, da Universidade Estadual do Norte do Paraná (UENP), e Vanessa Queiroz, do Colégio Objetivo/Maranata, lançaram mais dois livros da coleção infanto-juvenil "Explorando o Universo", projeto do grupo GEPEasTrO (ou simplesmente GEPETO). As obras, lançadas pela editora da Universidade Estadual de Londrina (EDUEL), buscam levar assuntos de Astronomia e Astrofísica Moderna por meio de uma linguagem acessível às crianças, jovens e adultos.

"O Sistema Solar na aula da Professora Zulema", "Uma estrela Chamada Sol" e "Vida de Estrela" foram os três primeiros livros da coleção editados em 2009. Os novos títulos são "Halley, o Cometa Dorminhoco", que apresenta, de maneira científica e lúdica, a atividade e composição (núcleo, caudas, coma, período, entre outros) de um cometa típico – o "famoso" Halley, numa linguagem acessível a todos, e "O Caminho do Sol no céu", que trabalha o conhecimento sobre os pontos cardeais também de maneira lúdica, com o objetivo de ampliar as noções de referência espacial, incentivando o leitor a utilizar, no seu cotidiano, noções básicas de Astronomia, observando o movimento do Sol no céu, usando o Universo como um laboratório.

livros03

O professor Daniel é graduado em Física e possui mestrado em Astronomia pela UEL. A professora Vanessa é licenciada em Física e mestre em Ensino de Ciências e Educação Matemática/Astronomia pela mesma instituição. Ambos são membros da Sociedade Astronômica Brasileira e da Associação Brasileira de Ciências e integram o GEPETO, grupo de trabalho formado por físicos, geógrafos e astrônomos profissionais.

Daniel Trevisan salienta que o trabalho realizado: "Procura levar ao público infanto-juvenil, assuntos de Astronomia e Astrofísica Moderna, em uma linguagem acessível, para que todos tenham oportunidade de aprender e se atualizar nestes temas". O professor explica que: "Fazemos pesquisas sobre como ensinar Astronomia às crianças, de forma integrada, momento em que se junta a Astronomia do dia a dia com as últimas descobertas científicas feitas pela corrida espacial". Ele disse ainda que: "O grupo desenvolve atividades divertidas e interessantes, como Oficinas e Jogos de Astronomia, e escreve textos para crianças e jovens, revelando os segredos do Universo, além de terem participado efetivamente da criação e implantação do Planetário de Londrina pela UEL".

O lançamento oficial, com sessão de autógrafos dos autores do GEPETO, está previsto para agosto. A data e o local serão previamente divulgados no site do grupo: http://sites.google.com/site/gepeastro/home. Os livros podem ser adquiridos pelos endereços eletrônicos: http://www.uel.br/editora/portal/?content=../catalogo/catalogo-online-detalhes.php&codProduto=732) e http://www.uel.br/editora/portal/? Content =../ catalogo/catalogo-online-detalhes.php&codProduto=733

Livros abordam assuntos de Astronomia e Astrofísica Moderna com linguagem acessível

livros01

 

 

Lívia Borghi Posseti, 22, de Jacarezinho, foi aprovada para o curso de mestrado da Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP), uma das mais conceituadas instituições de ensino do Brasil. Egressa de Enfermagem do Centro de Ciências Biológicas (CCB), do campus Luiz Meneghel, de Bandeirantes, da Universidade Estadual do Norte do Paraná (UENP), a jovem integra, atualmente, o corpo docente desta Instituição nas disciplinas de Embriologia/Histologia, Patologia e Saúde Coletiva II.

livia-borghi

Formada pela XIV Turma de Enfermagem, em dezembro de 2011, Lívia conquistou vaga única para o curso de mestrado em Saúde e Educação – Núcleo: Corpo/Sexualidade e Vulnerabilidades na UNIFESP. A professora Carina Bortolato Garcia, do CCB, salienta que: "Tal fato releva em muito o conceito do curso de Enfermagem da UENP. Revela a seriedade e a competência com que são formados os alunos". Ela ressalta ainda que "Quando uma jovem recém-formada ministra aulas na própria Universidade que a formou e, precocemente, consegue galgar espaço importantíssimo no aprimoramento de sua formação, garantindo vaga em curso de mestrado bastante concorrido e em uma Universidade tão importante, é sinal de comprometimento e seriedade no trabalho realizado por toda Instituição".

A jovem mestranda partilhou que: "O sucesso é de todos os envolvidos: a família, a reitoria, direção, professores do curso de enfermagem (em especial, o professor Luiz Fabiano Zanatta) e funcionários da UENP, colegas de turma, enfim, de toda a Instituição". Parabéns a Mestranda Lívia e ao Curso de Enfermagem da UENP!

 

 

 

 

O livro "Ensaios Filosóficos: Antropologia, Neurociência, Linguagem e Educação" será lançado na quinta-feira, 12 de junho, a partir das 19h30, na Livrarias Curitiba do Parkshopping Barigui, na capital, com os organizadores Fábio Antonio Gabriel e Gustavo Luiz Gava. A obra, composta por artigos de professores da Universidade Estadual do Norte do Paraná (UENP) e outros instituições, é destaque da agenda cultural das Livrarias Curitiba no mês julho.

A obra é organizada em três eixos: Neurociência, antropologia e linguagem em diálogo; Ensaios filosóficos modernos e contemporâneos; Filosofia e Educação: ensaios, diálogos e Propostas Metodológicas para o Ensino. Para o prefaciador, professor-doutor Kleber Bez Birolo Candiotto, docente da Pontifícia Universidade Católica do Paraná (PUC/PR), o livro possui um conteúdo relevante na medida em que: "Ao consultar a obra, o leitor será instigado pelos constantes e profundos questionamentos oriundos das diversas temáticas abordadas pelos autores, organizada por Fábio Antonio Gabriel e Gustavo Luiz Gava, com exímia apresentação de José Carlos da Silva".

O coordenador do curso de Filosofia da UENP, professor–doutor José Carlos da Silva, enfatiza na apresentação da obra: "As reflexões do livro 'Ensaios filosóficos: antropologia, neurociência, linguagem e educação' e seus desdobramentos querem ajudar a formar o homem integral na atual conjuntura em que vivemos. Quanto mais integração houver, mais possibilidade terá o homem de ser cidadão emancipado e capaz de lutar por uma qualidade de vida mais humana, justa e digna do ser humano".

O diretor do Centro de Ciências Humanas e da Educação (CCHE), professor-doutor Antônio Carlos de Souza, um dos autores do livro, ressalta que a obra completa o projeto dos docentes do curso de Filosofia da UENP em parceria com diversos professores de outras instituições da trilogia lançada pela Multifoco: "Filosofia e educação: um diálogo necessário" (2011); "Filosofia e educação: um diálogo entre saberes na contemporaneidade" (2012) e "Ensaios Filosóficos" (2012).

Os autores dos artigos que compõe o livro são os professores da UENP: Antonio Carlos de Souza; Eva Cristina Francisco; Jorge Sobral da Silva Maia; Silvia Borba Zandoná Cadenassi; José Carlos da Silva e Fábio Antonio Gabriel . De outras instituições: Gustavo Luiz Gava (POSITIVO); Ana Paula Ribeiro (PUC-PR); Ari Alex Ramos (PUC-PR); Carlos Willians Jaques Morais (UEPG-UNICAMP); Cleber Dias de Araújo (SEED-PR); Elisandra Angrewski (SEED-PR); Isadora Lima Machado (UNICAMP); Lucas André Teixeira (UNESP); Marcelo Rocha (PUC-PR); Márcia Regina Galvan Campos (SEED PR); Maria Cristina Müller (UEL); Maria Eliane Rosa de Souza (IF-GO); Maurício Silva Alves (PUC-PR); Odirlei Silva de Souza (SEED-PR); Pamela Cristina de Gois (SEED-PR); Ronaldo Mainardes Lemes Pinheiro (SEED-PR). O link da Agenda Cultural cuja versão impressa é anexada na revista Ler e Cia é: http://www.livrariascuritiba.com.br/ CultureAgenda.aspx?monthnow=7&YearNow=2012&idSquare=1

 O Tribunal de Contas do Estado do Paraná TCE/PR recebeu Pedido de Rescisão para corrigir decisão que equivocadamente desaprovou conta da Fundação Faculdades Luiz Meneghel e o Prof. Eduardo Meneghel Rando pela ausência de juntada deTermo de Cumprimento de Objetivos Conclusivos, no processo de Prestação de Contas de Transferência Voluntária referentes ao exercício financeiro de 2008/2009, referente ao Projeto nº 13145 do Programa de Apoio à Participação em Eventos Técnico-Científicos – Convênio 98/2008.

Embora o TCE/PR tivesse sido informado de que a UENP não se encontrava de posse do referido documento, que até abril do presente ano não havia sido expedido, a conta foi desaprovada unicamente pela não apresentação do Termo de Cumprimento de Objetivos Conclusivos.

Em maio do corrente ano, a UENP interpôs Pedido de Rescisão da decisão do TCE/PR, para que as contas fossem julgadas prestadas regularmente, e para que houvesse retificação do cadastro de gestores que tiveram contas reprovadas.

Confira a íntegra da Publicação

6/7/2012-PROCESSO N º: 360635/12 ORIGEM: UNIVERSIDADE ESTADUAL DO NORTE DO PARANÁ DE JACAREZINHO INTERESSADO: EDUARDO MENEGHEL RANDO ASSUNTO: RECURSO DE AGRAVO DESPACHO: 1438/12 Os autos tratam de Agravo de Instrumento (Art. 489 do Regimento Interno) protocolado pela Universidade Estadual do Norte do Paraná de Jacarezinho contra o Despacho n.º 1165/12 - GCNB. A decisão recorrida não conheceu Pedido de Rescisão (n.º 295574/12) pela ausência de documento novo que justificasse a medida protocolada. O pedido informou que o Termo de cumprimento dos objetivos juntado aos autos se trata de documento expedido em 12/04/2012, portanto posterior ao próprio Acórdão rescindendo nos autos de origem. Requereu, então, a reforma da decisão, para que haja o recebimento do Pedido de Rescisão e a suspensão do Acórdão rescindendo (n.º 931/12-Tribunal Pleno). De fato, o documento juntado à peça n.º 02, fl. 08 dos autos n.º 295574/12 se trata de novo Termo de cumprimento dos objetivos, ou seja, torna possível a análise dos autos originários como Pedido de Rescisão (Art. 77, II, da Lei Orgânica). A partir disso, exerço o juízo de retratação da decisão recorrida neste Agravo de Instrumento e recebo o Pedido de Rescisão (prot. n.º 295574/12), conforme previsto no Art. 489, § 2º, do Regimento Interno. Por fim, determino o envio dos autos às unidades instrutivas, para análise do pedido liminar, conforme previsão do Art. 495-A, § 3º, do Regimento Interno. Gabinete, em 3 de julho de 2012. CONSELHEIRO NESTOR BAPTISTA RELATOR.

UENP-CLM - ÚLTIMAS PUBLICAÇÕES